A Vingança dos Nerds

Em todo colégio de classe média alta que se preze, a grande maioria das moças mais cobiçadas por alunos, professores, faxineiros, diretores e inspetores, só se interessam pelos chamados “bandidinhos” do colégio. Numa visão estereótipa deste grupo pode se dizer que o cabelo deles é enrolado, surfam regularmente, conversam com beldades como se tivessem conversando com um camarada das antigas, fumam maconha, têm o corpo bronzeado, não são nem fortes e nem magros (têm o corpo sarado) e são um pouco autistas, ou seja, algumas vezes é preciso fazer a mesma pergunta três vezes para que um deles te ouça. Se ele virar o rosto levemente em sua direção é sinal de que ouviu o que você disse. Com sorte você recebe uma resposta monossilábica ou então um sinal de afirmativo com a cabeça. Eles não fazem isso porque são arrogantes, muito pelo contrário. Acontece que em alguns momentos eles se desligam desse mundo, só isso. Aqueles que conseguem ficar com o maior número de moças exuberantes, são também os que mais beijaram meninas bonitas diferentes no passado. Um grande amigo meu tem uma frase que resume de forma genial o que estou tentando dizer: “Quanto mais mulher tu pega, mais mulher tu pega”. E eu ainda acrescentaria uma outra frase, seguindo a linha dele: “Quanto mais badalhoca você é com as mulheres, mais elas te querem”. Se você ainda está no segundo grau, preste atenção à sua volta, pergunte aos seus colegas de série ou de séries próximas. Provavelmente uma das mulheres mais bonitas do colégio neste momento está sofrendo porque um desses super pegadores ficou com ela umas duas vezes, mas não liga mais. A partir do momento que o colégio todo já sabe de seu feito e o seu filme nunca esteve tão bom, hoje à noite ele vai tentar a sorte com uma menina mais bonita ainda, que é amiga da menina que está sofrendo por ele. Talvez ele não consiga nada com ela hoje, mas já estará dando um grande passo para que em dois ou três novos encontros, sua missão seja cumprida.

Os chamados “nerds” não têm chance alguma com essas mulheres. Por mais que alguns sejam bonitos, não têm charme, usam calça de moleton, os cortes de cabelo são infantis, são extremamente tímidos, não têm pegada, não têm lábia para conquistá-las, não são queimados de sol, têm um histórico de beijos na boca zero ou quase zero, enfim, terão que nascer de novo para terem alguma chance com essas lindas moças juvenis.

nerds.jpg

Nascer de novo? Era isso que eu pensava, assim como você, até um outro amigo me chamar a atenção para um fenômeno que cada vez mais vem acontecendo, pelo menos aqui no “High Society Carioca”, chamado “A Vingança dos Nerds”. É muito simples: Depois da faculdade, a maioria dos “bandidinhos” não conseguem arrumar um bom emprego e ficam financeiramente à mercê dos pais. Os nerds por outro lado, conseguem importantes cargos em excelentes escritórios de advocacia, grandes empresas multinacionais e bancos de investimento daqueles bem cavernosos onde o sujeito almoça tratando de negócios com o cliente. Por mais que eles continuem sem pegada na hora do sexo, com aquele óculos horrível que o seu pai usava quando você tinha dois anos de idade e com aquela pancinha branquela ridícula, as moças que antes os esnobavam caem na real. Precisam casar, ter filhos, viajar pra Europa e comer no Sushi Leblon, de preferência sem antes consultar o extrato bancário porque isso é coisa de pobre.

Se você mora na Zona Sul carioca ou em algum bairro nobre de qualquer lugar do Brasil, fique atento aos casais com idade entre 25 e 35 anos que estão nos cinemas, teatros, livrarias, restaurantes,barzinhos, micaretas e em vários outros lugares. Tenho certeza que você irá presenciar muitas vezes “A Vingança dos Nerds”.

Anúncios

Tags:

4 Respostas to “A Vingança dos Nerds”

  1. Helena Says:

    Pilha,

    Estou adorando seus textos.
    A “vingança dos nerds” é a mais pura verdade, dita de forma criticamente irreverente! Parabéns!
    Helena

  2. beto Says:

    Querido Pilhinha,

    Excelente texto!!

    Deu até esquecer, por um momento, a doidera do trabalho…

    Gde abraço,

    Beto Sá Freire

  3. Nanda Says:

    Querido Pilha,

    adorei o seu texto, é a mais pura verdade.
    Os nerds estão todos namorando.
    Parabéns.
    bjss

    Fernanda
    (amiga do Beto)

  4. anna fonseca Says:

    ADOREIII! hahaha
    mto bom paulo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: