Como amassar latas de cerveja em escala

A história que eu estou prestes a contar pode ser repetida para alguns ou muitos de vocês. Se for este o caso, não vou ficar chateado com o seu comentário ou pensamento negativo ao meu respeito. Vou entender perfeitamente a sua sensação de tempo perdido, ainda mais com tantas fotos e status de relacionamento que você precisa curtir e comentar no Facebook.

Mas caso você nunca tenha ouvido esta história e mesmo assim a considere insignificante, meus pêsames: você tem um futuro negro pela frente. Antes que você me chame de convencido, prepotente e metido, entenda que  não estou me referindo ao texto. O seu futuro, seja este negro ou brilhante, não tem qualquer relação com o fato de você gostar ou desgostar do meu jeito de escrever.

Isso tudo para dizer que eu vi um revolucionário catador de latinhas no centro do Rio. Mais especificamente na Rua do Rosário. Talvez ele não seja o precursor dessa técnica, mas como nunca vi ninguém fazendo um troço desses antes, para mim ele é o guru das latinhas. Vi o homem despejando na calçada uma enorme e suja sacola plástica contendo cerca de 60 latas. A Rua do Rosário, para quem não sabe, é uma estreita rua de paralelepípedos, muito estreita (nem ouse levar a sua Land Rover para passear por lá), muito estreita mesmo, com baixo movimento de carros e fedorenta. O herói da nossa historinha começou a chutar as latas para dentro da rua. Sim, para dentro da rua. De tão alto, o meio fio parecia um muro de uma escola infantil. Veja que ele poderia ter jogado as latas todas de uma vez nas pedras de paralelepípedo. Mas alguns minutos depois fui entender que chamaria muita atenção dos carros e dos transeuntes, então  foi bicando discretamente em doses homeopáticas. Se ele estivesse muito próximo à cena do crime, os motoristas poderiam forçá-lo a retirar os seus pertences do meio da rua, mas como não tinha ninguém por perto, era melhor passar de uma vez do que ficar se queixando com o vento.

Chutou umas vinte latas e se fingiu de transeunte, como se aquelas latas não tivessem nada a ver com a vida dele. Passou o primeiro carro, logo depois veio o segundo. Ele tinha conseguido amassar grande parte das latas. Era este o seu método, que também consistia em arrumar as latas que já estavam na rua, de modo que estivessem na trilha das rodas, e não no intocável e improdutivo miolo. Experimente andar em cima de um monte de plástico bolha. O efeito produzido pelos veículos era o mesmo. Sim, o nosso amigo é um gênio.

Anúncios

Tags:

2 Respostas to “Como amassar latas de cerveja em escala”

  1. Sandra Says:

    Não basta ser inteligente, é necessario coloca-la em pratica.Muito legal! beijos achocolatados

  2. Híndira Says:

    Genial! Será que ele mesmo desenvolveu essa técnica? Gerlamente, vejo as pessoas amassando uma a uma as latas, assim que as recolhem do chão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: